AIFU fecha 15 pontos comerciais e aplica R$ 1,4 milhão em multas neste final de semana em Curitiba

Aglomerações de pessoas e irregularidades no funcionamento de pontos comerciais foram constatados pela operação da Ação Integrada de Fiscalização Urbana (AIFU) em Curitiba, entre a noite de sexta-feira (10/09) e a madrugada de domingo (12/09). As equipes fecharam 15 estabelecimentos e os agentes municipais aplicaram R$ 1,4 milhão em multas. Durante as abordagens houve a dispersão de cerca de 2.058 pessoas que não respeitaram o distanciamento e o uso de máscaras. 

O trabalho contínuo da AIFU é no sentido de reforçar a importância do cumprimento das medidas preventivas, para combater a contaminação do coronavírus na população. As ações são feitas com base nas normas estabelecidas nos decretos estadual e municipal, principalmente em pontos reincidentes com relação ao desrespeito das regras. 

Entre sexta-feira e domingo, as equipes abordaram 20 estabelecimentos, dos quais 15 foram fechados. Também houve a lavratura de 51 autuações administrativas por parte dos profissionais das secretarias municipais do Urbanismo e do Meio Ambiente. 

Durante a fiscalização, os policiais militares e demais integrantes da AIFU se depararam com várias aglomerações de pessoas na cidade. Somando-se os dois dias de trabalho, foram dispersadas 2.058 pessoas. A abordagem a um dos locais, em um dos pontos abordados, no sábado, os policiais militares foram acionados sobre uma denúncia de perturbação do sossego em um bar no bairro Batel. Lá, constataram uma aglomeração de cerca de 100 pessoas. O responsável pelo estabelecimento foi multado em R$ 200 mil pelos agentes municipais e o local fechado. 

Na sexta-feira, em um dos pontos abordados, no bairro Boqueirão, a AIFU localizou uma aglomeração de cerca de 300 pessoas que não usavam máscara facial. O público foi dispersado e o responsável pelo local multado em R$ 200 mil e encaminhado para lavratura do Termo Circunstanciado. 

Houve ainda outros pontos de aglomeração na cidade, como ocorreu no bairro São Francisco, no sábado, onde dois bares foram abordados pelos policiais militares e agentes municipais, cada um com um público de cerca de 70 pessoas. Ambos foram fechados e os frequentadores dispersados. 

Um deles foi autuado pelo município em R$ 50 mil por não controlar a capacidade de pessoas e em mais R$ 11.803,46 por desvirtuamento de ramo no alvará (não poderia ter atividade de música), além de mais uma multa de R$ 5 mil reais por não ter licença ambiental para equipamentos de som. O outro bar também foi autuado pelos órgãos municipais em R$ 10 mil por não controlar o distanciamento social. 

Ainda no sábado, a AIFU também esteve em uma casa noturna no bairro Prado Velho onde havia cerca de 200 pessoas. O estabelecimento foi fechado e autuado pelo município em R$ 100 mil por não controlar o distanciamento e em mais R$ 5 mil por não ter licença ambiental. Já no bairro Boa Vista, um bar foi autuado em R$ 10 mil e dispersado um grupo de 20 pessoas.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s